No Centro Escolar de São Pedro

No dia 7 de Janeiro 2011 realizei várias visitas de autor no
Centro Escolar São Pedro, em Tomar.
No conjunto das sessões, estive com crianças do pré-escolar, da 1.ª, 2.ª, 3.ª e 4.ª classes.
A organização, excelente com habitual, foi da bibliotecária Dália Santos e de um conjunto de educadores e professores do Centro.
Adorei os trabalhos lindos que foram feitos à volta dos meus livros, os cartazes, os envelopes com perguntas... tudo, tudo! Foi muito bom ir a Tomar. 
Obrigada a todos.
Para aceder às imagens do evento é aqui.
Para ver os magníficos trabalhos feitos pelos alunos carreguem aqui.

4 comentários:

maria isilda disse...

Obrigada Rita por gostares de ter estado no Centro Escolar de São Pedro, mas acredito que para todos nós e para mim principalmente foi uma lufada de ar fresco e de sabedoria que nos encantou.
Bem Haja Isilda

Rita Vilela disse...

Olá, Maria Isilda
Obrigada por teres contribuído para que eu gostasse tanto de lá ter estado.
Foi muito bom ir a Tomar e ter conhecido tantas pessoas especiais, que fazem um trabalho tão importante :)
Tudo de bom para ti
Um beijinho

Prof. Dália Santos disse...

Olá Ritinha,
As fotos ilustram bem o que vivemos no Centro Escolar São Pedro... foi um dia mágico que terá repercussões na vida de todos os que contactaram contigo! Os livros continuam a vender-se como se ainda não tivesses vindo... é impressionante!
Quanto à tua jovem leitora de Oníris, informo-te que já tem os três volumes e, pasma, conquistaste muitos outros jovens leitores!... Ah, e estão mesmo a ler. Tentarei "apanhá-los" numa foto para comprovar. Os Oníris esgotaram e já tive que repor!
Beijinho muito especial para ti e para a Ana Sofia!
Queremos mais livros!!!

Rita Vilela disse...

Dália
Nem sei como te agradecer todo o empenho que colocaste (e continuas a colocar) na nossa visita... Tudo isto só foi possível porque tu preparaste o terreno para podermos semeá-lo.
Quanto a novos livros, estão a caminho. Este ano teremos mais 4 nesta colecção.
E, como diz o Rodrigo no livro O Comboio dos Fugitivos: "Gosto muito de vocês", mesmo muito.
Beijinho grande